segunda-feira, 21 de setembro de 2009

Gira a Roda!

Mais uma vez se encontraram no terreiro todas as gerações e extractos sociais. É ali mesmo, sem palco nem teatro, onde se reproduzem gestos e sons antigos, que um povo se define.

5 comentários:

Paulo César disse...

É realmente uma grande festa, e o que eu considero de "à moda antiga". Infelizmente não pude ir este ano, e como o ano passado lá comprar um pião e uma fisga.

Fernando_MC_Barros disse...

E um local fantastico com espaço para "quase" todos...
Para o ano estou lá outra vez.

O Galaico disse...

Sr. Paulo César, Um pião e uma fisga são sempre bons investimentos! Nem que seja para espantar os mais novos que hoje não imaginam brincar sem ser com consolas ou computadores. Eu até conheço quem tenha comprado varas para recriar eventuais zaragatas à moda antiga. Nas Feiras Novas encontra se de tudo.


Fernando, Aahah, Adorei o pormenor do "Quase"...

Paulo César disse...

Nem mais, os mais novos não estão habituados a tais brincadeiras. Aliás, quase já nem há sítios para lançar o pião e mandar uns minaus. E verdade seja dita, o mundo mudou e as crianças já não podem andar à solta pelos campos atrás dos pardelhos. Por isso o ano passado comprei um pião e uma fisga para cada um dos meus sobrinhos

Fernando_MC_Barros disse...

O "quase" cada um que entenda como quiser...porque tem multiplos sentidos...

A da "vara" não sei se referiste o meu caso, mas fui um dos que comprei de marmeleiro...da sempre jeito...

Quanto a fisgas e outros brinquedos tradicionais...e sobre a forma de educaçao das crianças de hoje em dia...brevemente aí virao posts meus sobre este e outros assuntos...que estao intimamente relacionados com a sobrevivencia da NOSSA CULTURA ANCESTRAL...